Missão

Criar opções de usinas, e estudos estratégicos para usinas e fábricas de energias renováveis, bem como promover a redução de emissões do dióxido de carbono.


Objetivos

Disponibilizar aos empreendedores,agricultores, órgãos públicos, transportadoras, mineradoras ou grandes consumidores de energias fósseis, conhecimentos tecnológicos necessários a fim de transformar sua opção de combustível em uma forma orgânica e ecologicamente correta. Tendo a maximização da produtividade como principal foco, buscaremos diminuir os custos operacionais de nossos clientes.

Compromisso


Trabalhamos em uma indústria orgânica a qual está exposta há uma evolução contínua. Diante disso, a implementação das Fábricas e Usinas representa somente o início do relacionamento de nossos profissionais com os nossos clientes.
Contudo, é do nosso interesse manter uma contínua interação com todos os seguimentos do mercado, incluindo as fábricas que implantamos. No campo operacional e no trabalho manual diário, identificamos oportunidades e mudanças no mercado, tal fato nos permite incentivar nossos profissionais a estarem sempre presentes na operação dos projetos que criamos.

Metodologia

A nossa metodologia consiste em otimizar as experiências dos nossos profissionais, criando um ambiente criativo e propício para o desenvolvimento de idéias revolucionárias no setor de energias renováveis.

Fluxograma de funcionamento de nossa usina de Biodiesel:

As matérias-primas: óleo e álcool são recebidos e armazenados em tanques devidamente dimensionados de acordo com a capacidade da usina.
O processo de transesterificação é realizado por meio da mistura de álcool etílico ou metílico com o catalisador em um reator primário. Concomitantemente à preparação da mistura reagente, o óleo vegetal, padronizado para produção de biodiesel, é transferido para o reator onde será realizada a primeira reação após adição da solução alcoólica. Óleo e a solução serão misturados por um período, que dependerá do tipo de óleo utilizado.
Após processada a transesterificação, o produto: biodiesel e solução glicerinada são separadas com ou sem auxílio de centrífuga. O biodiesel livre da glicerina é transferido para o segundo reator onde será efetuada a segunda etapa de reação. Após concluída a segunda etapa de reação em equipamentos similares aos da primeira etapa e separação da nova glicerina resultante, será realizada a lavagem, na qual receberá água acidificada aplicada na forma de spray em contra-corrente. Após lavagem completa com auxílio de água quente a mesma é retirada por decantação.
Terminada a etapa de lavagem, o biodiesel é transferido para os tanques de secagem dotados de aquecimento automático e de sistema de vácuo, sendo retirada por evaporação toda a água que tenha permanecido no processo.
A produção de biodiesel está completa, sendo bombeado para a tancagem de produto acabado. A fase de glicerina retirada no processo é bombeada para os equipamentos de concentração de glicerina, neutralizada, concentrada, para obtermos no mínimo 80% de pureza.
O sistema de geração de calor é feito através do óleo térmico, caldeira, etc.
Os efluentes obtidos das lavagens são transferidos para um tanque de decantação construído de acordo com as normas ambientais.
As bombas de transferência utilizadas são blindadas e construídas com proteção contra explosão de acordo com as normas de segurança.


.

  ©

Subir